Política

Prefeito de Ubatuba tem bens bloqueados pela Justiça

Litoral Norte - Délcio Sato (PSD) é alvo de uma ação de improbidade administrativa. A Justiça já bloqueou os bens do prefeito de Ubatuba.

A decisão é baseada em uma denúncia do Ministério Público que apontou suspeita de fraude e superfaturamento em uma licitação para serviços de informática.

A empresa foi contratada para o serviço por R$ 1,6 milhão por um ano, mesmo valor definido para o bloqueio de bens. Além de Sato, a decisão abrange o bloqueio de bens de quatro funcionários e representantes da empresa. Os envolvidos negam irregularidades.

Feita em 2018 em forma de pregão presencial, a licitação previa a contratação de uma empresa para fornecer software para a gestão de serviços da prefeitura de forma digital.

Tags: