Cotidiano

Prefeitura monta força-tarefa para atender ocorrências das chuvas

Jacareí - A chuva que caiu no início da noite desta terça-feira (25), em Jacareí, causou alagamentos em 28 pontos da cidade, com a interdição de 64 casas e 108 pessoas desalojadas (que já foram para casas de parentes). Não há vítimas.

Segundo dados da Defesa Civil de Jacareí, a média de chuva registrada foi de 95 mm, sendo que o acumulado de três dias é de 110,5 mm, o que coloca a cidade numa situação de atenção.

O nível do Rio Paraíba subiu para 1,16 metro. Segundo a Defesa Civil, o alerta é dado quando atinge 1,60 metro. No entanto, as equipes já estão em alerta.

Para auxiliar a Defesa Civil na assistência à população atingida, a Prefeitura conta com uma força-tarefa que envolve as secretarias municipais de Segurança e Defesa do Cidadão, Assistência Social, Infraestrutura, Meio Ambiente, Mobilidade Urbana, Fundação Pró-Lar e Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto).

De acordo com o prefeito Izaias Santana, os danos materiais já estão sendo calculados para se dar assistência às famílias. Ele ressalta ainda que a cidade precisa de grandes investimentos em drenagem. “Nestes três anos (2017 a 2019), a drenagem foi uma das áreas em que mais investimos. Ainda assim, temos pontos críticos, em especial o Vila Ita II e o Veraneio Ijal. Hoje o grande desafio é a drenagem integral de toda a extensão do Córrego do Tanquinho para evitarmos de vez as inundações na Vila Ita e, também, na Diogo Fontes, que recebem o volume de águas desse córrego”.

Serviço – Em caso de rachaduras em paredes e muros, deslizamentos, alagamentos e quedas de árvores, a população pode acionar a Defesa Civil no plantão 199.

Tags: