Política

Pessoas com fibromialgia podem ter atendimento preferencial

São José dos Campos - O projeto de lei 357/19, da vereadora Dulce Rita (PSDB), pretende tornar obrigatório o atendimento preferencial às pessoas com fibromialgia nos órgãos públicos, empresas públicas, concessionárias de serviços públicos e empresas privadas localizadas na cidade.

De acordo com a proposta, as empresas que recebem pagamentos de contas deverão incluir as pessoas com fibromialgia nas filas de atendimento preferencial já destinadas aos idosos, gestantes e pessoas com deficiência. Se o projeto for aprovado, a identificação dos beneficiários será por meio da apresentação de laudo médico.

A autora justifica que a doença, de origem desconhecida, causa dor crônica, principalmente nas articulações e tendões e não tem cura.

O projeto obteve parecer favorável nas comissões de Justiça e Redação, de Economia e de Saúde, estando apto para inclusão na pauta de votação, sem prazo.

Tags: