Saúde

Covid: Prefeitura inicia testagem em população de rua

São José dos Campos - A partir desta quinta-feira (21), a Prefeitura de São José dos Campos começa a testar a população de rua para a covid-19. A ação visa identificar pessoas contaminadas, cuidar e providenciar o isolamento dos casos positivos, evitando a propagação do vírus na cidade. Todas as pessoas em situação de rua serão testadas.

Metodologia

A testagem rápida será feita por imunocromatografia, método que objetiva realizar a triagem preliminar da covid-19 em menos tempo e custo.

Por meio da coleta de uma gota de sangue, o teste rápido é capaz de detectar a presença de anticorpos, que são produzidos pelas células de defesa do corpo humano após o contato com o vírus. O resultado fica disponível no intervalo de 15 a 30 minutos após a realização.

Treinamento

A equipe responsável pela testagem é composta por técnicos da assistência social e de enfermagem, além de uma enfermeira. Todos passaram por um treinamento realizado pela Secretaria de Saúde para aplicar os testes.

Trabalho integrado

Desde o início de abril, a Prefeitura de São José dos Campos intensificou o trabalho de apoio e acolhimento voltado à população de rua, sobretudo pela exposição e vulnerabilidade deste público, durante a pandemia do novo Coronavírus.

De 1º a 30 de abril, foram feitas 1.096 abordagens, 184 acolhimentos em abrigos, sendo 75 encaminhamentos para o tratamento em dependência química.

No mesmo período, 284 pessoas foram recambiadas, expressão utilizada para o auxílio que a Prefeitura concede a pessoas em situação de rua para que possam retornar às cidades de origem, quando assim desejarem.

Também foram criados espaços de isolamento para casos suspeitos de covid-19. Até o momento, apenas três pessoas precisaram ficar isoladas, porém todas já foram liberadas.

Idosos e pessoas com doenças crônicas também estão recebendo tratamento diferenciado pelo fato de integrarem os grupos com maior risco de morte no caso de infecção pela covid-19. Para eles, acolhimento está sendo feito em instituições separadas do público em geral. Idosos junto com idosos e pessoas com comorbidades em abrigos diferentes dos demais.

Serviço

Para ajudar as equipes da assistência social a proteger as pessoas em situação de rua, a população deve ligar para 153 ou 156.

Tags: