17/07/2024 07:33

Aterro Sanitário de Jacareí recebe nota máxima em Qualidade da CETESB

Foto: PMJ

Referência no correto tratamento de resíduos e em completo funcionamento, o Aterro Sanitário de Jacareí, que faz parte do EcoParque Municipal, recebeu nota máxima na mais recente visita dos técnicos da CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo). O Índice de Qualidade de Aterro de Resíduos (IQR) é uma ferramenta usada para aprovar as condições de tratamento e disposição de resíduos urbanos, e observa diversos quesitos, levando em conta duas categorias: inadequada (de 0 a 7) e adequada (de 7,1 a 10). O valor 10 foi atribuído ao município neste mês de junho.

“Jacareí recebeu a nota 10 em um estudo absolutamente técnico. O objetivo da Cetesb é incentivar as cidades a cumprir a meta estabelecida pela Política Nacional de Resíduos Sólidos e esta avaliação comprova o correto manejo ambiental e o respeito com a comunidade ao redor”, explica Antônio Luiz Machado, diretor de Limpeza Pública.

O elevado padrão de qualidade é alcançado por meio de rígidos processos estabelecidos entre o Poder Público e a Concessão Ambiental, que atuam em Parceria Público Privada (PPP). O Aterro Sanitário é monitorado diariamente, e amostras são recolhidas e analisadas, garantindo a proteção do solo e a segurança do meio ambiente. São mais de 300 funcionários que atuam, diretamente, nesta rotina.

EcoParque

Localizado no bairro Cidade Salvador, em uma área de 140 mil metros quadrados, o espaço do EcoParque abrange o Aterro Sanitário, a Usina de Reciclagem de Entulhos da Construção Civil, a Usina de Biodigestão e ainda o LEV. Todo dia, a coleta da cidade é levada para usina e mais de 90% do material é tratado e separado, por processo mecânico.

Desta forma, a parte orgânica do resíduo passa pelo processo de biodigestão, obtendo-se gás e com possibilidade de gerar energia elétrica. Já com os resíduos da construção civil, o EcoParque processa e produz blocos de alvenaria e bloquetes, que são utilizados na reforma de praças públicas da cidade, como os usados na Praça da Matriz ou na construção do novo LEV do Parque Meia Lua. Diversas áreas verdes e calçamentos de Jacareí utilizam material de construção reciclado, uma economia significativa e com um resultado prático eficiente.

Veja também