03/03/2024 15:05

São José sediará evento internacional de cidades inteligentes

Foto: PMSJC

São José dos Campos vai sediar um encontro internacional que debaterá normas relacionadas ao processo de certificação dos municípios em nível global.

O evento é organizado pelo Comitê ISO/TC 268 sustainable cities and communities, que conta com 39 países participantes e 33 países observadores.

O comitê é coordenado pela ISO (International Organization for Standardization) e possui 45 normas publicadas e outras 20 em desenvolvimento.

A próxima reunião plenária do órgão será realizada entre 21 e 25 de outubro no PIT (Parque de Inovação Tecnológica) de 2024 em São José dos Campos. A confirmação do Brasil como sede se deu durante a última plenária do comitê, realizada em Paris.

“Será uma oportunidade única de receber especialistas de mais de 30 países que debaterão sobre normas internacionais para o tema e que trará, sem dúvida, mais visibilidade a esse tema tão relevante para o desenvolvimento sustentável de nosso país”, disse o presidente da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), Mario William Esper.

“A missão da ABNT é garantir que a posição de todos os setores brasileiros seja levada em conta na elaboração de normas internacionais”, completou.

A ABNT é o único foro nacional de normalização e é responsável pela elaboração das normas brasileiras destinadas aos mais diversos setores.

A entidade também representa o Brasil nos fóruns internacionais de normalização, como no caso do Comitê ISO/TC 268 sustainable cities and communities.

São José recertificada

Em outubro deste ano, São José dos Campos foi recertificada como Cidade Inteligente, Sustentável e Resiliente, de acordo com as normas ABNT NBR ISO 37120, 37122 e 37123, alinhadas com os 17 ODSs (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da ONU.

No processo de análise de 276 indicadores que compõem as três normas, São José conseguiu melhorar sua avaliação em relação aos parâmetros de Cidade Resiliente (norma ISO 37123), passando do padrão ouro para platina, o mais alto nível da certificação.

O município também recebeu a certificação máxima em práticas sustentáveis (norma ISO 37120) e nível ouro em indicadores relacionados à Cidade Inteligente – norma ISO 37122.

Gostou do conteúdo, compartilhe agora mesmo!

Leia também

Veja também