03/03/2024 16:05

SP avalia fluência leitora de crianças do ensino fundamental até dia 8 de dezembro

Foto: Divulgação

Os alunos do 2º ano do Ensino Fundamental de escolas estaduais e municipais de São Paulo farão até o dia 8 de dezembro a Avaliação de Fluência Leitora. Esta é a segunda edição da prova neste ano.

A medida avalia se crianças com 7 anos já dominam a leitura. A avaliação visa garantir a alfabetização dos pequenos e melhorar os resultados educacionais. A participação dos municípios é opcional. Até o momento, 91% das prefeituras paulistas aderiram à iniciativa.

“Nessa segunda edição nós tivemos 588 municípios paulistas aderindo a avaliação da Seduc. A Avaliação de Fluência Leitora é mais uma das ferramentas para apoiar as escolas municipais e estaduais a desenvolverem ações para garantir a alfabetização de crianças. E também alcançar melhores resultados nos sistemas de avaliação de rendimento escolar, o SARESP, e no sistema de avaliação da educação básica, que é o SAEB”, explica a técnica da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, Márcia Bernardes.

A Avaliação de Fluência Leitora analisa o desempenho individual dos alunos na leitura e compreensão de textos escritos. A Secretaria da Educação compartilha com as escolas o aplicativo exclusivo do CAEd, que possibilita gravar a leitura dos alunos e agilizar o acesso aos resultados.

As crianças precisam mostrar habilidade, fluidez e ritmo de leitura para serem consideradas leitoras fluentes. Na avaliação, os alunos que conseguem ler entre 45 e 60 palavras corretamente por minuto já são considerados leitores fluentes.

A avaliação será expandida em 2024. Para o próximo ano letivo, a Secretaria da Educação prevê três aplicações do exame: no começo das aulas, entre junho e agosto e no final do ano.

Gostou do conteúdo, compartilhe agora mesmo!

Leia também

Veja também