24/04/2024 11:47

Vereadores aprovam 38 documentos na última sessão

Na 14ª sessão de Câmara de São José dos Campos, ocorrida nesta terça (9), foram aprovados 28 requerimentos, oito moções e duas atas de sessões passadas, totalizando 38 processos da pauta. Além disso, 214 documentos, a maior parte indicações dirigidas ao Executivo, estavam para leitura e ciência dos parlamentares presentes.

A regressão da cidade de São José dos Campos à fase vermelha do Plano São Paulo, anunciada na noite desta terça pelo executivo municipal conforme decisão do governo estadual, foi criticada pelos vereadores do PL, Lino Bispo e  Roberto Chagas. O decreto permite o funcionamento de apenas os setores considerados essenciais da economia e passa a valer na cidade a partir desta quarta (9).

O vereador Zé Luís (PSD) trouxe pautas sociais para o debate no plenário ao citar a importância da continuidade do pagamento do auxílio emergencial, para atender famílias de baixa renda afetadas pelos desdobramentos econômicos provocados pela pandemia. Além de citar campanhas de arrecadação de alimentos para distribuição à população carente.

Em alusão ao Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de março, o vereador Fernando Petiti (MDB) citou a importância de ações de combate à violência doméstica e ao feminicídio, que aumentaram durante a pandemia. O parlamentar informou que fez solicitação à Secretaria de Proteção ao Cidadão para que a Guarda Civil Municipal ministre aulas gratuitas de defesa pessoal às mulheres da cidade.

Na tribuna, o vereador Juvenil Silvério (PSDB) prestou contas da viagem internacional que fez à Índia, representando a Câmara Municipal, para acompanhar o lançamento do satélite Amazonia-1, do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), no dia 28 de fevereiro.

Gostou do conteúdo, compartilhe agora mesmo!

Leia também

Veja também