18/07/2024 02:21

Tecnologia do CSI de São José dos Campos recupera 2 veículos roubados

tecnologia

Mais uma vez, a tecnologia do CSI (Centro de Segurança e Inteligência), da Prefeitura de São José dos Campos, foi decisiva para a identificação e a recuperação de veículos roubados no município. Em duas ocorrências registradas nas últimas 24 horas, o sistema contribuiu diretamente para a solução dos casos.

Nesta quinta-feira (4), um veículoroubado na região sul da cidade foi identificado e localizado pelas câmeras de tecnologia do CSI no estacionamento de um supermercado. A GCM (Guarda Civil Municipal) compareceu ao local dez minutos depois de ser acionada e, por volta das 9h, com auxílio de imagens de câmeras do estabelecimento, constatou que o condutor já havia deixado o local. As imagens ficaram à disposição da Polícia Civil e as vítimas encaminhadas à Delegacia de Polícia para posterior entrega do veículo.

Em outra ocorrência, na quarta-feira (3) de manhã, câmeras de tecnologia do CSI identificaram na Avenida George Eastman, no Parque Industrial, um veículo ‘dublê’ (carro roubado usando placas duplicadas de um outro veículo regular e com as mesmas características). Neste caso, a ação de recuperação do veículo foi feita de forma conjunta pela GCM (Guarda Civil Municipal) e Polícia Militar.

Na ocasião, a PM realizou a prisão do condutor e de um acompanhante, após constatar que o veículo havia sido furtado em Cachoeira Paulista. Na sequência, a ocorrência foi registrada no 7º Distrito Policial, onde o condutor foi autuado em flagrante.

tecnologia

Referência na segurança e tecnologia

As operações do CSI tiveram início em abril deste ano com a implantação, em toda a cidade, de mil novas câmeras inteligentes e reconhecimento facial, o que proporcionou mais segurança e qualidade de vida à população. São José é uma referência na tecnologia e segurança por meio de videomonitoramento nas ruas, parques e praças e uso de tecnologia de ponta.

O município foi um dos pioneiros do Brasil em câmeras de segurança implantadas nas vias públicas por meio do antigo COI (Centro de Operações Integradas), criado em 2002 e substituído pelo CSI em 2021. A iniciativa integra o Plano de Gestão 2021-2024 e as ações do programa São José Unida, que visa reduzir os índices de criminalidade no município.

RELEMBRE

Com apoio do sistema de tecnologia de câmeras do CSI (Centro de Segurança e Inteligência), a Guarda Civil Municipal recuperou no dia (29) um veículo roubado na região sul de São José dos Campos.

As imagens e os dados dos radares inteligentes auxiliaram os guardas municipais, que, em apenas 40 minutos, recuperaram o Fiat Toro roubado no bairro Bosque dos Eucaliptos. O veículo foi devolvido ao proprietário.

Dois notebooks e um celular também recuperados. O caso foi registrado no 7° Distrito Policial.

Centro

Na noite de quarta-feira (27), a GCM já havia apreendido um veículo utilizado em roubos e furtos a residências em Caçapava. A abordagem aconteceu durante patrulhamento preventivo na avenida Jorge Zarur, região central de São José dos Campos. O carro estava em um guincho.

tecnologia

segurança e tecnologia

A Secretaria de Proteção ao Cidadão, por meio do Departamento de Fiscalização e tecnologia da GCM (Guarda Civil Municipal), em conjunto com a Polícia Militar, intensificou as ações de orientação à população durante o último feriado prolongado (27 de outubro a 2 de novembro), visando evitar aglomerações e perturbação do sossego público, além de reduzir a propagação da covid-19 no município.

Durante o período, a ação conjunta conseguiu impedir cinco atividades que provocariam aglomerações, muitas das quais denunciadas pela população, que pode continuar contribuindo ligando para os telefones 153 (GCM) e 190 (Polícia Militar). As ligações são gratuitas e os serviços funcionam 24 horas.

Ao todo, ao longo do feriado, 247 pessoas foram abordadas e 134 veículos (86 carros e 48 motos) fiscalizados (nove e uma CNH foram recolhidos por irregularidades). A ação conjunta também resultou na realização de 33 autos de infração de trânsito, além de cinco notificações, três autuações e uma interdição na área comercial.

Dados atualizados

Segundo dados atualizados, nesta terça-feira (2), pelo Departamento de Fiscalização da Secretaria de Proteção ao Cidadão, em 586 dias de ações de combate à pandemia, 210 eventos irregulares foram impedidos de ser realizados.

No mesmo período, foram feitas 1.395 autuações de empresas e 300 interdições de atividades que estavam descumprindo a quarentena.

Estes números são resultado de 23.726 vistorias realizadas pelo Departamento de Fiscalização e de atendimentos a demandas da população, feitas pelo 156 (14.235) e diretamente ao setor (7.680).

 

Veja também